Os 10 Melhores Ventiladores de Teto de 2022 (Ventisol, Arno, Spirit)



Está querendo saber qual o melhor ventilador de teto do mercado no momento? Nosso review conta com todas as informações mais importantes que você precisa saber para fazer essa escolha!

os melhores ventiladores de teto do mercado

Em busca de mais opções para ventilar e refrescar os ambientes de sua casa? Um ventilador de teto certamente é uma alternativa interessante para tirar o mormaço e manter o frescor dos cômodos.

Diferentemente dos aparelhos convencionais de ar condicionado, ou dos ventiladores de mesa e bancada, o ventilador de teto, além de ventilar o ambiente, pode ainda promover a troca de ar do quarto ou sala de sua residência.

Além disso, costuma ser uma opção mais econômica e evita que, para combater o calor, seja necessário enclausurar o ambiente. Dessa forma, agrega à qualidade de vida, dando mais frescor ao ar respirado.

Nossa intenção é lhe responder definitivamente a questão: Qual o  melhor ventilador de teto?

Para que você faça a aquisição certa, trazemos aqui um guia completo de compra, a fim de ajudar a escolher o melhor ventilador de teto para você.

1. Ultimate VX10 - ArnoMelhor Ventilador de Teto do MercadoMenor Preço →
2. Aires - VentisolMelhor Ventilador de Teto Custo BenefícioMenor Preço →
3. Fênix 370 - VentisolVentilador de Teto Melhor AvaliadoMenor Preço →
4. Wind Premium - VentisolMelhor Ventilador de Teto BaratoMenor Preço →
5. Wind 203 - SpiritMelhor Ventilador de Teto c/ Duas PásMenor Preço →
6. Wind 303 - SpiritMelhor Ventilador de Teto com Repelente EletrônicoMenor Preço →
7. Mônaco - TrevisoMelhor Design de Ventilador de TetoMenor Preço →
8. Aliseu - TerralMelhor Ventilador de Teto SilenciosoMenor Preço →
9. Solano - TronMelhor Ventilador de Teto de MadeiraMenor Preço →
10. Aventador - TronOpção BônusMenor Preço →

Como Escolher o Melhor Ventilador de Teto


Naturalmente, uma compra com este nível de durabilidade e permanência não pode ser feita sem antes serem levados em conta uma série de fatores importantes que definirão se aquele modelo é o mais adequado para o que o cliente procura ou precisa.

O ventilador de teto fará parte da decoração do cômodo de maneira quase permanente. E além de cumprir a função de ventilar e interferir na sensação térmica, ele dialoga também com todos os outros itens de decoração.

Abaixo, serão elencadas as variáveis a serem consideradas antes da aquisição, para que você compre o melhor ventilador de teto que caiba e combine com a sua morada.

Tamanho e Número de Pás: É importante se adequar ao teto

tamanhos diferentes ventilador de teto

O espaço disponível no teto não deve ser excedido pelo comprimento das pás. Também não deve ser explorado ao limite, uma vez que pode afetar a presença de outros móveis ou itens de decoração que sejam mais extensos verticalmente.

É necessário que haja uma proporção confortável para que o ventilador de teto trabalhe sem provocar preocupação em relação a outros objetos, e também manter a harmonia visual da decoração do quarto ou sala.

Normalmente, a proporção entre área do teto e comprimento das pás costuma estabelecer-se da seguinte forma: para tetos de até 10m², indica-se pás de 80cm; até 15m², indica-se pás de 1m; a partir de 25m², pás de 1,3m a 1,4m de comprimento.

O número de pás também merece atenção a partir do tamanho do cômodo. Ventiladores de teto com duas pás produzem um fluxo de ar mais direcionado. Portanto são indicados para espaços menores.

As hélices de três pás, mais comuns, distribuem melhor o vento, se adequando mais a aposentos de maior volume.

Mecanismos de Controle: Três formas de ligar seu ventilador de teto

mecanismo de controle de um ventilador de teto

As maneiras que os ventiladores de teto dispõem para serem ligados e desligados variam em três tipos: interruptor, dimmer e controle remoto.

Os interruptores, a opção mais antiga, normalmente oferece três funções: ventilador, exaustão e desligado. No caso de interruptores compostos, vêm ainda um botão extra que pode permitir escolher entre opções de velocidades.

O dimmer nada mais é que um interruptor mais sensível, com botão giratório, que permite ao proprietário alterar a velocidade do vento conforme queira.

Já o controle remoto, das opções, a mais moderna, torna mais dinâmico o uso do ventilador de teto. Modelos que vêm com controle remoto normalmente têm função timer, controle da luz e as opções tradicionais de exaustor ou ventilador.

Além disso, o controle remoto é mais conveniente, uma vez que pode ser acionado de qualquer lugar do quarto, sempre ao alcance das mãos.

Desempenho Energético: Atente-se para os selos de eficácia

gasto energético de um ventilador de teto

O consumo de energia elétrica sempre deve ser levado em conta. A fim de economizar, vale a pena prestar atenção nos selos do Inmetro acerca dos gastos de energia produzidos por cada aparelho.

As classificações costumam ir de A a E, sendo A o mais econômico e E o menos, tendo também variações em cor, numa escala de verde a vermelho. As opções certificadas com o selo Procel A são, sem dúvidas, as mais indicadas.

Outra forma de economizar energia é através da lâmpada. As lâmpadas de LED iluminam mais, gastando menos energia do que as lâmpadas incandescentes, garantindo assim a eficácia. Logo, é interessante olhar com atenção se o modelo de ventilador de teto é compatível com lâmpadas de LED.

Não esqueça de verificar também que a voltagem do produto está de acordo com as tomadas do local de instalação.

• Velocidade: Verifique se a potência do giro dará conta do ambiente

velocidade de um ventilador de teto

Em via de regra, as propriedades citadas anteriormente já dão uma boa noção, ao bater o olho, se o ventilador de teto desejado se adequa ao cômodo no qual ele será instalado. No entanto, nunca é demais, quando possível, verificar as velocidades que o giro atinge, a fim de ter certeza de que o aparelho é potente o suficiente para a sala ou quarto em que ficará.

Esta verificação previne da aquisição de um modelo que teoricamente cumpriria todos os requisitos, mas que, na prática, a capacidade de ventilação seja ineficaz.

Os 10 Melhores Ventiladores de Teto

Tendo enfim tratado sobre tudo aquilo que se deve ter em vista para escolher o melhor ventilador de teto, sem mais delongas vamos à lista dos melhores modelos de ventiladores no mercado atualmente.

ultimate vx10 arno

O campeão do ranking de melhor ventilador de teto da vez é o Arno Ultimate VX10, um ventilador leve e completo.

Com hélice feita de plástico, é um ventilador versátil, que permite a instalação tanto em ambientes internos quanto externo, como varandas e afins. Possui selo Procel A, de máxima eficiência energética, e a potência vai a 150 W.

As pás são relativamente longas, com 106cm, dando conta da ventilação de ambientes de até 25m² de área no teto.

Este modelo possui controle remoto, sinônimo de comodidade e pluralidade de funções e opções. A função timer permite estabelecer um horário específico para interromper a atividade do ventilador de teto, podendo economizar energia.

A função dormir regula as velocidades da ventilação, que vão diminuindo aos poucos, mantendo a sensação térmica agradável. Além disso, oferece 6 níveis diferentes de velocidade de rotação.

Pás:3Velocidades:6
Rotaçoes:267 RPMDimensões:106 cm
Selo Procel:AVazão:2,11 m³/s

ventilador de teto ventisol aires

Pás:3Velocidades:6
Rotaçoes:267 RPMDimensões:106 cm
Selo Procel:AVazão:2,11 m³/s

ventilador ventisol fênix 370

Pás:3Velocidades:6
Rotaçoes:267 RPMDimensões:106 cm
Selo Procel:AVazão:2,11 m³/s

ventilador ventisol wind premium

Para quem busca um produto mais barato, o melhor ventilador de teto neste sentido certamente é o Wind Premium, da Ventisol. Sendo mais barato, é certamente mais simples que os outros. Mas não é por isso que ele deixa a desejar.

As pás são feitas de MDF, que é uma fibra de média densidade. É um derivado sintético da madeira que atribui mais durabilidade ao produto.

O lustre possui espaço para uma lâmpada apenas, e as pás têm menos de 1m de comprimento. Ou seja: é um ventilador de teto adequado para quartos um pouco menores, caso ele esteja trabalhando sozinho na função de refrescar o ambiente.

Por fim, é um modelo econômico também no que diz respeito ao desempenho energético, possuindo selo Procel de categoria A.

Pás:3Velocidades:6
Rotaçoes:267 RPMDimensões:106 cm
Selo Procel:AVazão:2,11 m³/s

ventilador spirit wind 203

Muito se engana quem acha que o número de pás é o que determina a potência de um ventilador de teto, pois o Spirit Wind 203 possui somente duas pás e é um dos ventiladores com maior capacidade de ventilação do mercado.

A vazão de ar deste aparelho é de 2,81 m³/s, de acordo com o Inmetro. Ainda de acordo com a mesma instituição, o Spirit Wind 203 é certificado com selo de categoria A de eficiência energética.

O design deste ventilador de teto, que leva a assinatura de Guto Índio da Costa, também é algo que chama a atenção, dando sempre a impressão de movimento, devido ao formato das pás.

O material das pás é o mesmo das janelas de avião e dos escudos da polícia militar, segundo o fabricante, atribuindo durabilidade ao ventilador.

Possui 3 diferentes velocidades e lustre flat com lâmpada de LED embutida no centro.

Pás:3Velocidades:6
Rotaçoes:267 RPMDimensões:106 cm
Selo Procel:AVazão:2,11 m³/s

ventilador de teto spirit wind 303

Também idealizado por Guto Índio da Costa, o Spirit Wind 303, modelo de 3 pás, vêm em versão mais completa e com recursos diversos. Além do LED embutido e de funcionar via controle remoto, este produto oferece ainda a função de um repelente eletrônico.

Também certificado com o selo Procel de categoria A no quesito eficiência energética, este ventilador têm três opções de velocidade de rotação, além da função exaustão e ventilação, tudo acionável de qualquer lugar do ambiente, na palma de sua mão.

E quanto ao dispositivo repelente de insetos, não há qualquer emissão de substância gasosa ou algo prejudicial.

O aparelho repele os insetos através de frequências sonoras que atormentam a fêmea fecundada, fazendo-a procurar outro lugar para chocar os ovos dos filhotes.

O material das pás é o mesmo do modelo de duas pás da Spirit Wind, bastante durável e apropriado para ambientes de alta umidade. Este é, sem dúvidas, um dos melhores ventiladores de teto do mercado.

Pás:3Velocidades:6
Rotaçoes:267 RPMDimensões:106 cm
Selo Procel:AVazão:2,11 m³/s

ventilador treviso mônaco

O destaque no quesito design de ventilador de teto é o Mônaco, da Treviso, que é uma empresa com mais de 40 anos de mercado. Apesar das hélices serem consideravelmente menores do que as dos outros modelos, ele não deixa a desejar na vazão de ar.

Os 35cm de comprimento têm, na verdade, capacidade de ventilação de aproximadamente 2m³/s, dando conta de ambientes com área de até 25m² no teto.

É um ventilador bivolt, com acionamento via controle remoto ou dispositivo de parede. Vem com função timer, luz e três velocidades sem necessidade de fios.

As pás de policarbonato são duráveis e resistentes por terem revestimento anticorrosão, e sua instalação é facilitada. Tudo isso com ainda um forte impacto na decoração de sua sala ou quarto, graças ao inovador design deste ventilador.

É interessante ressaltar que este é um produto 100% nacional.

Pás:3Velocidades:6
Rotaçoes:267 RPMDimensões:106 cm
Selo Procel:AVazão:2,11 m³/s

ventilador de teto aliseu terral

Silêncio e potência são os principais atributos do ventilador de teto Terral, da marca Aliseu. Com hélice de pás longas – 128cm – a capacidade de ventilação deste produto dá conta de cômodos com área de teto de até 36m².

Mas o que chama a atenção dos consumidores mesmo é a capacidade de movimentar o ar sem fazer barulho. Isso, aliado à vazão de 3,28m³/s, põe este num lugar cativo entre os melhores ventiladores de teto do mercado atualmente.

A instalação é facilitada pelo fato de o modelo já vir pré-montado. Seu selo Procel Triplo A lhe confere destaque em matéria de eficiência energética.

Este ventilador vem com controle remoto e opera em 3 níveis diferentes de velocidade. Feito de policarbonato, é resistente a condições climáticas adversas, podendo, por exemplo, ser instalado numa região de maior umidade.

O design moderno, junto a outros atributos, como função timer, e mais tudo aquilo que já citamos acima, certamente fazem deste ventilador de teto uma excelente opção de compra.

Pás:3Velocidades:6
Rotaçoes:267 RPMDimensões:106 cm
Selo Procel:AVazão:2,11 m³/s

ventilador tron solano

Para quem prefere modelos de design mais vintage, quem gosta de ornar tons de madeira na decoração da casa, certamente vale a pena conferir o ventilador de teto Solano, da Tron.

Suas pás são feitas de MDF, sintetizado a partir de madeira, e com a tintura cobreada e vernizada que simula madeira original. No entanto, não é indicado para localidades onde ficaria sujeito a condições climáticas mais desafiadoras, especialmente no que tange à umidade.

Apesar de produzir uma boa vazão, em torno de 2,5m³/s, é mais indicado para ambientes pequenos e médios, e acima de tudo, fechados.

De rústico, somente a aparência. O certificado de eficiência energética é Procel A, e seu lustre fosco é compatível com lâmpadas de LED.

O acionamento é através de interruptor na parede, podendo ser utilizado em função exaustão ou ventilação, com três velocidades.

Pás:3Velocidades:6
Rotaçoes:267 RPMDimensões:106 cm
Selo Procel:AVazão:2,11 m³/s

ventilador tron aventador

Outro modelo que inova no design é o Aventador da Tron. Apropriado para ambientes mais compactos, de pequeno a médio porte, é um ventilador de teto com boa durabilidade graças ao seu acabamento interno blindado, que evita atrito durante a atividade do produto.

Apesar da vazão não ser tão alta, com 1,76m³/s, alcança alta rotação, cerca de 670 RPM, operando a 150 watts de potência, o que demonstra eficiência no uso de energia elétrica.

É um ventilador de teto silencioso. No entanto, fica em desvantagem em relação a outros produtos da mesma categoria por não possuir acionamento por controle remoto e, principalmente, pelo selo Procel ser B.

Pás:3Velocidades:6
Rotaçoes:267 RPMDimensões:106 cm
Selo Procel:AVazão:2,11 m³/s

Tipos de Ventilador de Teto

tipos de ventiladores de teto

Apesar de não serem características decisivas na compra, existem diferenças qualitativas entre os tipos de ventilador de teto que, ainda assim, ajudam a determinar qual o melhor ventilador de teto para você, que busca conforto e qualidade de vida.

  • Ventilador de Teto Interno

A instalação de ventiladores de teto em áreas internas abrange todas as opções de materiais possíveis utilizados no mercado para produzir as pás das hélices, sejam quantas forem. Para este caso, fica realmente mais a cargo das outras variáveis, como tamanho, desempenho, etc.

  • Ventilador de Teto Externo

Para o caso de ventiladores instalados em tetos de varandas ou demais áreas externas, é importante atentar-se para o efeito que a erosão pode ter sobre o material. Quando o ventilador de teto não está protegido por paredes, ele fica sujeito à ação da umidade do ar.

Portanto, é importante que seja adquirido um modelo com pás de plástico, mais resistentes à umidade e demais condições climáticas possivelmente adversas.

  • Ventilador de Teto com Duas ou Três Pás

Os modelos contendo apenas duas pás nas hélices são modelos mais recentes. Conforme dito anteriormente, são ideais para acomodações menores, e direcionam mais a circulação de ar para um ponto específico.

O mais indicado para cômodos maiores são os modelos com três pás, ou até mais. Estão há mais tempo em circulação no mercado, e dispersam mais o vento ao redor do ambiente.

Essas considerações têm como base ambientes em que vá haver a instalação de apenas um ventilador de teto. Caso contrário, é importante levar em conta o tamanho do espaço, quantos ventiladores serão instalados e qual efeito pretende-se conseguir com a ventilação.

Dúvidas Frequentes sobre Ventiladores de Teto
+
Após tomar o devido cuidado com a parte elétrica a fim de evitar acidentes, escolha materiais suaves, não ásperos. Ao invés de espalhar a poeira, melhor direcioná-la a um recipiente específico, como um sexto ou saco de lixo. Após raspá-la suavemente com um pano seco, passe um pano úmido para remover a sujeira que não soltou de primeira.
+
Naturalmente, depende do ambiente. Ventiladores de duas pás direcionam mais o fluxo de ar, sendo mais apropriados para ambientes menores, ou para o caso de ambientes amplos como galpões em que se coloca vários. Em caso de ventilar cômodos caseiros de médio ou grande porte, o ideal é um ventilador de teto de três pás, que espalha mais uniformemente o ar.
+
Tal qual o modelo de ventilador de teto com duas pás, os ventiladores de mesa ou bancada produzem um jato direcionado, podendo variar através da rotação. Mas, caso o desejo seja uma ventilação mais uniforme e menos direcionada, o ventilador de teto é a pedida certa.
+
É importante frisar que o ideal é que esse procedimento seja realizado por um eletricista profissional. Um erro nesse processo pode acabar sendo muito custoso. Mas, é sempre bom ter noção do funcionamento dos aparelhos eletrodomésticos que adquirimos. Primeiro, monta-se o ventilador em si. Em seguida, conecta-se a parte elétrica e a iluminação, que é raro um ventilador não oferecer. Por fim, é só fixar o suporte do ventilador no teto.
+
Existem algumas marcas bem estabelecidas no mercado atual que transmitem segurança ao comprador. São elas: Arno, Ventisol, Tron e Aliseu. O que não quer dizer, de forma alguma, que as outras marcas não mereçam a confiança do público. No fim das contas, acaba sendo uma avaliação mais produto por produto do que necessariamente as marcas. As citadas acima são apenas aquelas que costumeiramente entregam produtos de qualidade há tempo suficiente para serem lembradas pelos clientes.
Rolar para cima